Grau Educacional lança projeto social com mais de 1000 bolsas gratuitas por todo Brasil

Para o Rio de Janeiro, estão destinadas 90 vagas. Os candidatos poderão se inscrever, a partir de hoje, para cursos profissionalizantes e técnicos.

A rede Grau Educacional lançou o projeto Grau Social. Sua primeira ação tem por objetivo oferecer mais de 1000 bolsas educacionais de qualificação técnicas e profissionalizantes gratuitas por todo Brasil. Para o Rio de Janeiro, serão disponibilizadas 90 oportunidades. Os interessados poderão se inscrever, entre os dias 16 e 31 de maio, por meio do site www.grausocial.com.br.

São mais de 30 cursos técnicos, entre eles Informática, Segurança do Trabalho, Administração, e Eletrotécnica, e mais de 40 cursos profissionalizantes, como Balconista de Farmácia, Bombeiro Civil, Refrigeração e Climatização, e Informática para Adultos.

A expectativa é que as aulas comecem em julho deste ano, a depender do curso e da formação das turmas, de acordo com o número de vagas na unidade escolhida pelo candidato. Para garantir a vaga, é necessário atender alguns requisitos, como ter entre 18 e 30 anos, estar desempregado, ter disponibilidade para aulas presenciais, e ter cursado o Ensino Médio completo.

“Uma das nossas grandes premissas é incentivar o conhecimento humano e atingir o maior público possível. O Grau Social chega como um sonho realizado. Acreditamos na democratização da educação para todos, com uma formação de qualidade, principalmente diante do movimento pós-pandemia”, disse o diretor da rede Grau Educacional, Ruy Porto Carreiro Filho.

Todas as unidades do Grau Técnico e do Grau Profissionalizante, que fazem parte da rede Grau Educacional, estão participando do projeto. O Grau Educacional é a maior rede de ensino técnico do Brasil, presente em todas as regiões do país, com mais de 150.000 alunos já matriculados e empregabilidade de 75% para alunos formados.

Para mais informações, basta acessar o site www.grausocial.com.br. O portal disponibiliza o edital completo, com todos os requisitos para concorrer a bolsa e outros detalhes do projeto.

MPRJ vai investigar carência de professores na rede estadual de ensino

Inicialmente, estima-se uma carência de 7 mil professores na rede estadual, podendo este número ser superior, a depender da apuração. 

Colégio Estadual Rui Barbosa, em Caxias. Foto: Redes sociais

Por MPRJ – O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Proteção à Educação, instaurou inquérito civil para apurar a falta de professores e de profissionais de apoio na rede estadual de ensino. Inicialmente, estima-se uma carência de 7 mil professores na rede estadual, podendo este número ser superior, a depender da apuração. 

A Promotoria de Justiça vai trabalhar em informações apresentadas durante reunião realizada pela Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), em 10 de maio, com a presença de representantes da Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), e recebidas via Ouvidoria/MPRJ. Uma das informações apuradas inicialmente é de que haveria um cadastro de reserva de cerca de mais 9 mil aprovados em concursos realizados e homologados em momento anterior à entrada do Estado no Novo Regime de Recuperação Fiscal.   

Também serão apuradas as providências administrativas adotadas, com vistas à manutenção da oferta do ensino e à continuidade do serviço público educacional; a eventual validade dos concursos públicos realizados nos anos de 2013 e 2014 e a razão do não suprimento dos cargos vagos de docentes diante da suposta existência de candidatos aprovados e/ou cadastro reserva, considerando-se o entendimento legal de que tal reposição não viola em princípio o Regime de Recuperação Fiscal; e a higidez da conduta do gestor e de possível lesão ao interesse público e ao serviço educacional em razão da não provisão de cargos efetivos em quantitativo suficiente para a manutenção da oferta do serviço educacional com a regularidade e a qualidade constitucionalmente garantidas.    

O Ministério Público concedeu 10 dias para que a SEEDUC e a Casa Civil se manifestem sobre tais pontos.

Caxias faz mutirão de vacinação contra a gripe para trabalhadores da Educação

Não há contraindicação para que a vacina da Covid-19 e da gripe sejam aplicadas no mesmo dia.

A vacinação dos profisionais da Educação será na sede da SME. Fotos: Secom/DC (Arquivo)

A Prefeitura de Duque de Caxias, através das secretarias de Saúde e de Educação, convoca os trabalhadores da área de educação no município para o mutirão de vacinação contra a Gripe Influenza, que acontecerá nesta quinta-feira (19), das 8h às 16h, na sede da Secretaria Municipal de Educação (SME), na Rua Professor José Carlos Lacerda, 1.424, no bairro Vinte e Cinco de Agosto.

Para receber a vacina os trabalhadores devem apresentar documento que comprove vínculo profissional na área da educação no município de Duque de Caxias, além de documento de identificação com foto e CPF.

A Secretaria Municipal de Saúde alerta que não há contraindicação para que a vacina da Covid-19 e da gripe sejam aplicadas no mesmo dia.

Nova Iguaçu retoma projeto Escolas Seguras

Promovido desde 2017, ele ocorre nas escolas municipais e tem como objetivo torná-las mais seguras, por meio do desenvolvimento de uma cultura de prevenção e percepção de riscos a desastres.

A última edição do projeto ocorreu em 2019, antes da pandemia. Fotos: Alziro Xavier/Arquivo PMNI

A Prefeitura de Nova Iguaçu vai retomar mais um projeto interrompido durante a pandemia da Covid-19. A partir deste mês, a Secretaria Municipal de Defesa Civil (SMDC) volta a promover o Escolas Seguras: Desenvolvendo a Resiliência através da Educação. Promovido desde 2017, ele ocorre nas escolas municipais e tem como objetivo torná-las mais seguras, por meio do desenvolvimento de uma cultura de prevenção e percepção de riscos a desastres. A última edição do projeto ocorreu ainda em 2019, antes da pandemia.

No cronograma deste ano, sete unidades irão receber o projeto entre maio e outubro. A primeira delas será a Escola Municipal Campo Alegre, entre os próximos dias 16 e 20. Alunos, professores e funcionários serão submetidos a simulações de situações de emergência e farão treinamento e exercícios de desocupação segura do prédio escolar.

“O projeto utiliza a escola como espaço para a promoção de uma mudança de cultura, onde o resultado final é a proteção e preservação da vida, e a construção de uma comunidade escolar resiliente”, explica o secretário municipal de Defesa Civil, Jorge Ribeiro Lopes.

Desde sua implementação, o projeto Escolas Seguras já foi realizado em 22 instituições de ensino, capacitando 10.173 alunos e 1.106 funcionários e professores. No total, 11.279 pessoas participaram das simulações. Além da E. M. Campo Alegre, as unidades Professor Emílio Pedroso Araújo, Paulo Roberto Fiorenzano, E. M. Jaceruba, CAIESP Castrolina Faria Lima, CIEP 187 – Benedito Laranjeiras e Casa da Criança de Miguel Couto receberão o projeto este ano.

Queimados convoca professores

Os profissionais são de Matemática, História, Educação Física, Língua Portuguesa, Ciências, Geografia e, também, professores que atuarão nas turmas de anos iniciais.

Prefeitura dá posse a 18 profissionais aprovados em concurso de 2019

Os profissionais tomaram posse na quarta-feira. Foto de divulgação

A Prefeitura de Queimados, por meio das secretarias municipais de Educação e Administração, empossou, na quarta-feira (11), mais 18 professores para atuarem na rede pública municipal de ensino. A posse aconteceu na sede da secretaria de Governo. Com os reforços, já são novos 188 novos profissionais na rede pública municipal, desde 2021, segundo a prefeitura.

Ainda segundo a prefeitura de Queimados, além dos novos professores, um contrato emergencial para a contratação de 60 cuidadores, seis auxiliares de creche e seis intérpretes de libras foi realizado. Com isso, 260 novos profissionais já foram colocados nas salas de aula desde 2021. A ação só foi possível através da prorrogação de validade do concurso público realizado em 2019.

Os profissionais que tomaram posse nesta quarta-feira são de Matemática, História, Educação Física, Língua Portuguesa, Ciências, Geografia e, também, professores que atuarão nas turmas de anos iniciais.

Inscrições abertas para turma gratuita de Design de Sobrancelhas

A formação tem carga horária de 30 horas e oferece aulas teóricas e práticas, além de atividades extracurriculares.

Divulgação

Curso se direciona exclusivamente às mulheres e é oferecido pelo Espaço da Mulher Mesquitense, na Vila Emil

A partir desta terça-feira, dia 10 de maio, o Espaço da Mulher Mesquitense recebe inscrições para o curso de Design de Sobrancelhas, que é ofertado gratuitamente. Ao todo, serão 50 vagas, divididas nos turnos da manhã e da tarde. No entanto, são destinadas, exclusivamente, às mulheres que moram no município. As interessadas devem comparecer ao local e levar documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência em Mesquita. O endereço é Rua Libânia 195, na Vila Emil.

Além disso, na semana que vem, do dia 17 em diante, serão abertas as inscrições para o curso de Depilação no mesmo local. Os critérios também são os mesmos que da capacitação em Design de Sobrancelhas.

A formação tem carga horária de 30 horas e oferece aulas teóricas e práticas, além de atividades extracurriculares. “No processo de aprendizagem, as alunas conhecem os conceitos, as tipologias das sobrancelhas e, ainda, um pouco da anatomia do rosto. Depois disso, elas também colocam a mão na massa, aplicando as técnicas instruídas pela professora do curso”, explica Silvânia Almeida, a coordenadora municipal de Políticas para as Mulheres de Mesquita.

Mulheres formadas

Na última segunda-feira, dia 9 de maio, as alunas do Espaço da Mulher Mesquitense participaram de uma cerimônia de formatura. Ao todo, 48 mulheres receberam o certificado de conclusão do curso de Design de Sobrancelhas. Isso referente apenas ao primeiro trimestre deste ano. O evento aconteceu no cineteatro da Praça PEC, em Santo Elias.

Balcão de Empregos de Mesquita convoca alunos do Ensino Médio

Currículos de estudantes a partir de 16 anos serão redirecionados ao CIEE para seleção de vagas de estágio

Da Assessoria de Imprensa – O Balcão de Empregos de Mesquita, coordenado pela subsecretaria municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, realizou uma nova parceria com o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE). Desta vez, as vagas de estágio serão direcionadas, exclusivamente, aos estudantes do Ensino Médio que tiverem a partir de 16 anos.

Em convênio firmado com o CIEE desde 2018, o Balcão de Empregos recebe currículos de estudantes mesquitenses de nível médio, técnico e superior do município, para a contratação de estagiários. “O CIEE tem sido um grande parceiro da Prefeitura de Mesquita ao longo dos últimos anos. E, agora, nós estamos reforçando esse convênio e abrindo espaço para a contratação em grandes empresas fora do município. É uma oportunidade de inserção no mercado de trabalho para os estudantes”, valoriza o subsecretário municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Fabio Baiense.

As vagas são voltadas para as áreas administrativas de diversas empresas de grande porte e que, não necessariamente, estão localizadas em Mesquita. “Temos empresas em Nova Iguaçu e outros lugares da Baixada Fluminense que precisam deste tipo de mão de obra. Esses candidatos serão redirecionados ao CIEE, que fará todo o processo de seleção”, acrescenta Baiense. A oportunidade, no entanto, é reservada para pessoas que estão cursando, efetivamente, o Ensino Médio. Ou seja, é preciso estar matriculado e estudando em uma instituição no 1º, 2º ou 3º ano do Ensino Médio, sendo homem ou mulher, a partir dos 16 anos de idade.

Inscrições

Aqueles que estiverem interessados devem, então, entregar o currículo no Balcão de Empregos de Mesquita, que fica na sede da Subsecretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico. O endereço é Rua Arthur Oliveira Vecchi 120, no Centro, no segundo andar da Prefeitura de Mesquita. Caso prefiram, os mesquitenses podem, também, enviar o documento por e-mail, através do endereço eletrônico balcaodeempregos@mesquita.rj.gov.br.

É hora de voltar à sala de aula

As aulas na rede pública municipal de ensino de Duque de Caxias terão início nesta segunda-feira (7) de forma presencial

Os estudantes da Rede Municipal de Ensino de Duque de Caxias voltarão às salas de aula na próxima segunda-feira (7). Os estabelecimentos de ensino da rede estão prontos para receber os alunos, segundo a Secretaria de Municipal de Educação (SME), com todos os protocolos de segurança à saúde, como o uso de máscaras e outras medidas de prevenção e enfrentamento ao Coronavírus.

O número de alunos que voltarão às salas de aula e de estabelecimentos de ensino da rede não foram divulgados pela SME.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Roseli Duarte, todas as escolas receberam termômetro, álcool 70º, máscaras, sabonete líquido, borrifadores e, periodicamente, será feita a desinfecção dos ambientes das unidades. “Em relação às medidas sanitárias, a SME segue a nota técnica do CIEVS, Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde, a qual dispõe sobre condutas, recomendações e orientações para os serviços escolares quanto às medidas de prevenção, controle, monitoramento e fluxo de informações que deverão ser adotadas em relação à Covid-19”, declarou.

“A princípio, o comprovante de vacinação não será exigido. Porém, campanhas de conscientização dos pais e responsáveis em prol da importância da vacinação serão constantes. As unidades escolares servirão, inclusive, de polo itinerante para aplicação da vacina em nossos alunos”, finalizou a secretária de Educação.

Pós-graduação para professores da Rede Municipal de Caxias

Professores da rede pública municipal de ensino de Duque de Caxias têm até o dia 11 de fevereiro para se inscreverem no curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Alfabetização, Leitura e Escrita, da Universidade do Rio de Janeiro (UERJ), na modalidade on-line.

O Programa Rio+Alfabetizado é um projeto de formação criado com objetivo de aprimorar o desenvolvimento dos professores alfabetizadores de todo o estado do Rio de Janeiro. Os cursos, gratuito, pretende elevar a qualidade do ensino e combater o analfabetismo no Estado.

Inscrições aqui.

Pré-matrícula em Nova Iguaçu

Alunos que desejam permanecer na mesma unidade de ensino terão a matrícula renovada automaticamente.

E.M. Mascarenhas de Moraes – Foto: Alziro Xavier-PMNI

A Secretaria Municipal de Educação de Nova Iguaçu (Semed) divulgou o cronograma e as regras para a pré-matrícula escolar para o ano letivo de 2022. Segundo a Semed, assim como em 2021, alunos que desejam permanecer na mesma unidade de ensino no próximo ano terão a matrícula renovada automaticamente. Estudantes vindos de outra rede municipal ou de escolas particulares deverão realizar o processo de pré-matrícula on-line a partir do dia 15 de dezembro. Também deverão realizar o processo alunos que queiram mudar de escola ou aqueles que estudam em unidades que não possuam o ano de escolaridade seguinte. Basta acessar www.matricula.novaiguacu.rj.gov.br.

Para Educação Especial, Educação Infantil, Ensino Fundamental ou Educação de Jovens e Adultos (EJA) as inscrições devem ser feitas até o dia 22 de dezembro. A relação nominal dos alunos contemplados será divulgada na internet, no dia 28. A efetivação da matrícula deverá ser feita entre 5 e 11 de janeiro. Para isso, será necessário comparecer à unidade escolar contemplada pelo aluno e apresentar os documentos solicitados, conforme informado no comprovante de pré-matrícula.

Após a realização da primeira fase da pré-matrícula on-line, as vagas remanescentes serão inseridas novamente no sistema, e os alunos não contemplados terão mais uma oportunidade de ingressar na rede municipal. A segunda fase acontece entre os dias 12 e 17 de janeiro. Os nomes dos contemplados serão conhecidos no dia 20 e a efetivação de matrículas deverá ser feita entre de 24 a 27 de janeiro.

Colônia de Férias Firjan SESI

As inscrições estão abertas nas unidades de Caxias e Nova Iguaçu

A colônia de férias Firjan Sesi acontece de 10 a 12 de janeiro. Foto de divulgação

Estão abertas as inscrições para a tradicional Colônia de Férias Firjan SESI em todo estado do Rio de Janeiro. A temporada Verão 2022 acontecerá entre os dias 10 a 12 de janeiro, de 13h às 17h. Ela será na modalidade presencial, obedecendo às determinações de todos os decretos municipais e orientações do Ministério da Saúde. Na Baixada, haverá atividades nas unidades de Duque de caxias e Nova Iguaçu.

Anúncios

As inscrições devem ser realizadas na unidade Firjan SESI escolhida ou o interessado pode registrar seu interesse no site http://www.firjan.com.br/coloniadeferias/. As atividades serão realizadas prioritariamente ao ar livre. Seguindo os protocolos de segurança, haverá aferição de temperatura para a entrada dos participantes, uso de máscara obrigatório durante todo o período e higienização constante das mãos. Além disto, a limpeza e sanitização dos ambientes será diária.

A Colônia de Férias Firjan SESI terá atividades não só criativas e divertidas, mas também voltadas à promoção da saúde, além de serem conduzidas por profissionais experientes. A oferta inclui: futebol, vôlei, queimada, brincadeiras antigas, oficina de culinária, jogos educativos, gincana, oficina maker, entre outros divertimentos e conteúdos educativos.

Os interessados podem obter mais informações pelos telefones 0800 0231 231 ou 4002-0231, sempre de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h.

Confira as unidades Firjan SESI do Grande Rio:

Duque de Caxias – Rua Artur Neiva, nº 100 – 25 de Agosto

Nova Iguaçu – Rua Gerson Chernicharo, nº 1321 – Bairro da Luz

Vitória em feira de tecnologia

Alunos de escola municipal de Duque de Caxias vencem campeonato de Robótica

Estudantes da E.M. Ricardo Augusto Azeredo festejam a vitória. Foto de divulgação

Os alunos da Escola Municipal Ricardo Augusto Azeredo Vianna, em Duque de Caxias, venceram o campeonato de Robótica e Literatura da 15ª edição da Feira de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado do Rio de Janeiro (Fecti). A Fecti aconteceu e entre os dias 1 e 4 de dezembro de maneira on-line.

Muito feliz com a vitória dos alunos, o professor e orientador do projeto de disciplina na unidade educacional, Dárcio Ranauro, explicou que o ensino de Robótica tem um papel significativo na educação atual. Ranauro esclareceu que os estudantes vivenciaram uma experiência pautada não só pela transversalidade como também pela prática da escrita significativa no exercício pleno de inúmeras linguagens.

Anúncios

“O processo de construção foi bastante enriquecedor para os alunos do 8º e 9º Anos de Escolaridade. Os estudantes do século XXl estão bastante inseridos nas novas tecnologias e a escola, ainda enraizada no ensino tradicional. Através do projeto, podemos valorizar os conteúdos e atender às necessidades e anseios dos estudantes. Estou muito feliz com o resultado e sonho ampliar o projeto para outras escolas da Rede Municipal de Ensino”, disse o professor Dárcio Ranauro.

%d blogueiros gostam disto: